Ana Paula Couto Davel

Nos últimos anos, a linha de pesquisa tem sido focada no estudo mecanismos fisiopatológicos, diferenças sexuais e estratégias terapêuticas em doenças cardiometabólicas incluindo dislipidemias, obesidade e desnutrição. Busca-se identificar fatores mediadores e sinalização celular envolvidos em complicações vasculares associadas às doenças cardiometabólicas, com ênfase em alterações do endotélio vascular e do tecido adiposo perivascular.

Fernanda Ramos Gadelha

As atividades de pesquisa desenvolvidas em nosso laboratório têm por objetivo estudar a Bioquímica de tripanosomatídeos, em especial o Trypanosoma cruzi, com ênfase na bioenergética e nos mecanismos antioxidantes desses parasitas. Nós testamos também compostos em potencial para o desenvolvimento de uma terapia mais específica e portanto menos tóxica para a doença de Chagas.

Marcelo Alves da Silva Mori

O objetivo principal do nosso laboratório é identificar e caracterizar os mecanismos moleculares envolvidos no processo de envelhecimento e em resposta a intervenções dietéticas. Temos interesse particular em entender como o metabolismo contribui para a gênese de doenças relacionadas ao envelhecimento, como diabetes tipo 2, doenças cardiovasculares e doenças neurodegenerativas. Nosso principal tecido de interesse é o tecido adiposo - um importante sítio de integração metabólica em organismos multicelulares. Buscamos entender como o tecido adiposo responde a mudanças no balanço energético e sinaliza a outros tecidos para informá-los sobre essas mudanças. Se desregulado, esse mecanismo de integração metabólica leva a diversas doenças crônicas, principalmente em pessoas de meia-idade e idosos. Identificamos que a integração metabólica de organismos multicelulares é, pelo menos em parte, exercida por mudanças na biogênese de miRNAs no tecido adiposo. Dessa forma, a biogênese de miRNAs afeta a suscetibilidade dos animais ao estresse e influencia o tempo de vida.