Unicamp perde o professor Luiz Augusto Magalhães, um de seus pioneiros

Faleceu no dia 24 de dezembro o professor Luiz Augusto Magalhães, docente aposentado do Departamento de Biologia Animal, do Instituto de Biologia e Professor Emérito da Unicamp. Magalhães foi um dos primeiros professores a ocupar o campus de Barão Geraldo, em Campinas, nos anos 1960. Autor da primeira tese defendida na Unicamp, Luiz Augusto Magalhães reservava uma cadeira de forro esverdeado para os que visitavam sua sala no Instituto de Biologia. Bem modesta perto das cadeiras de trabalho projetadas atualmente, aquela possuía encosto baixo demais para a posição dos braços e um assento estranhamente estreito, numa altura que permite a um homem de pequena estatura sentir os pés no chão. Sentado nela, na época em que a Faculdade de Medicina estava ainda instalada na Maternidade de Campinas, Zeferino Vaz planejou a construção da Unicamp. “No dia em que defendi a tese de doutoramento, em 1967, o reitor disse que eu precisava de uma cadeira nova e me presenteou com a sua”, recordou o anfitrião, em entrevista para o Jornal da Unicamp 387, de 3 a 9 de março de 2008.

Leia na íntegra!